O QUE É O CABELO? DEFINIÇÃO, ESTRUTURA E PH

A Lacan, nos dá uma definição super bacana sobre o cabelo, estrutura e crescimento das madeixas. Confira na íntegra a matéria e conheça mais sobre a maior vaidade da mulher.

"CABELO
S, CUIDADOS, BELEZA E AUTO ESTIMA"


LACAN - Filosofia da empresa

  • Sua principal característica é uma filosofia de constante pesquisa.
  • Uma empresa reconhecida por sua qualidade e sobre tudo, bom serviço.
  • Isto faz da LACAN uma empresa sólida com projeção de futuro.

O QUE É O CABELO?
O típico pêlo do mamífero é formado pela haste, que se estende sobre a pele, e a raiz, cravada num folículo, ou cavidade, sob a superfície da pele. Com exceção de algumas células que crescem na base da raiz, o cabelo é um tecido morto, composto de queratina e proteínas afins. O folículo piloso é uma invaginação da epiderme, com uma pequena parte da derme em sua base. O pêlo é formado por divisões de rápidas células na base do folículo. As células são empurradas para cima a partir da base do folículo, endurecem e sofrem pigmentação.

Os pêlos em nosso couro cabeludo, nas sobrancelhas e nos cílios são diferentes dos outros pêlos espalhados pelo corpo. O cabelo cresce de maneira saudável cerca de 1 cm por mês, e cabelos longos têm vida útil entre 3 e 5 anos. Em média, temos entre 100 e 150 mil fios de cabelo em nossa cabeça.

Há dois tipos de melanina em nossos cabelos: eumelanina (a mais comum e responsável pelas nuanças do marrom ao preto) e feomelanina (responsável pelas tonalidades de loiro e pelas cores avermelhadas). A ausência de pigmento produz o cabelo branco/grisalho. Antes que qualquer cor permanente seja aplicada na haste do cabelo, a cutícula, ou camada exterior, deve ser aberta. A fórmula insolúvel reage, então, com o córtex, para depositar ou remover a cor.

Funçâo do Cabelo

Proteção: Protege a cabeça funcionando como isolante térmico contra as radiações solares e abrasão mecânica.

Adorno: está relacionada a beleza. É a condição do cabelo que influi na aparência a aspecto do rosto.
COMPOSIÇÃO E ESTRUTURA
O cabelo é composto por carbono heterogênico, oxigênio e enxofre.
Todo cabelo é feito basicamente de proteínas, o tipo de proteína que forma o cabelo humano é chamado de Queratina.
A queratina contém uma variedade de combinações de moléculas de aminoácidos agrupadas em uma longa corrente.

Os pêlos em nosso couro cabeludo, nas sobrancelhas e nos cílios são diferentes dos outros pêlos espalhados pelo corpo. O cabelo cresce de maneira saudável cerca de 1 cm por mês, e cabelos longos têm vida útil entre 3 e 5 anos. Em média, temos entre 100 e 150 mil fios de cabelo em nossa cabeça.

A Cutícula
É uma camada externa do cabelo composta de células de queratina uma sobrepondo a outra, proporciona proteção, flexibilidade, força e brilho.
Por ser a camada externa permite isolar os mesmos agentes químicos e mecânicos.
Age como uma capa protetora incolor translúcida, ela é hidrófila (gosta de água) e tem a capacidade de contrair-se, de expandir-se a medida que ganha ou perde água. Em cabelos finos e de cor clara pode haver somente quatro camadas de cutícula. Em cabelos grossos, ásperos e escuros pode haver até 25 camadas de cutículas firmemente comprimidas, a função da camada da cutícula é proteger o córtex de lesões e perdas de umidade.
Para proporcionar qualquer transformação química temos que abrir a cutícula para ter acesso ao córtex.

Estrutura do fio do cabelo - foto microscópica
Há muitas estruturas compressas dentro do fio do cabelo que exerce muitas funções, abrangeremos as estruturas diretamente associadas com a ação de serviços químicos, o cabelo é composto por aproximadamente 65% de proteínas de queratina com o restante constituído de água.
Carboidratos , lipídeos elementos minerais e vitaminas (forma a queratina) . O fio de cabelo pode ser dividido em três partes estruturais: a cutícula , córtex e medula.
***************************************************************
Córtex
E a parte interna do fio de cabelo, responsável pela resistência e força do cabelo, o córtex representa 90% da estrutura do fio de cabelo e é composto basicamente por queratina, contem as correntes de polipeptídios que são aminoácidos. É a camada intermediaria do cabelo e é de fato a parte mais forte e vital do cabelo saudável.
Constitui aproximadamente 85% do peso total do cabelo e consiste de diversas fibras torcidas de proteínas de queratina que correm uma paralela a outra, é ai que se encontra os pigmentos naturais ou melanina do cabelo, é a melanina que da aos cabelos sua cor natural, formada no bulbo do cabelo pela combinação de enzimas e aminoácidos da corrente sanguínea.
Conforme a melanina é formada ela viaja pelo bulbo, passa a ter queratina e depois se torna fisicamente parte do córtex, a cor então é refletida por meio da cutícula, que é translúcida. Quando o cabelo começa a perder a cor e fica grisalho se deve ao fato do corpo não produzir mais quantidade de aminoácidos para promover a produção de melanina.
Conhecendo mais um pouco sobre a Melanina, é uma proteína que confere pigmentação à pele e aos cabelos dos mamíferos. Algumas pessoas são albinas, pois em seu organismo não existe a produção de melanina. A melanina é responsável pela cor da pele, dos olhos, dos pêlos humanos e atua também em outros animais. Porém, a cor da pele não depende apenas dos pigmentos da melanina, também do caroteno que se localiza no tecido adiposo subcutâneo, que tem a cor alaranjada. Além da melanina e do caroteno, os vasos sanguíneos também influenciam na cor da pele, pois quanto mais ligeiros e dilatados, mais a pele fica escura.

Quanto mais melanina a pessoa tiver em seu corpo, mais escura será a pele. Quanto menos melanina, mais clara a pele será. A melanina é considerada uma proteína. Ela é produzida pelas células que se localizam na camada basal da epiderme, denominadas de melanoblastos.

Existem dois tipos de melanina:

- Eumelanina: onde predomina a cor castanhada ou preta.
- Feomelanina: que constitui a cor vermelhada e amarelada.

As pessoas que tem a pele clara, geralmente têm grandes riscos de câncer de pele, isso porque há pouca produção de eumelanina em seu organismo. As células que produzem a melanina, além de dar pigmento à pele, também é responsável pela proteção da pele contra os raios ultravioleta. Ainda não se sabe como a melanina exerce influência sobre os raios ultravioleta

Queratina
Proteína encontrada no cabelo nas unhas das mãos e dos pés.
A queratina é uma proteína sólida. Como todas as outras proteínas, ela é composta por cadeias de aminoácidos unindo-se entre si por varias correntes peptídicas.
São as fibras de queratina localizadas no córtex que dão ao cabelo resistência, consistência e elasticidade. Além da forma, a queratina não se reproduz, por não ser uma substância viva é muito elástica e flexível, sendo capaz de se alongar consideravelmente e retornando logo ao seu estado original. A queratina depende de várias substâncias nutritivas que são retiradas de alguns alimentos ingeridos por nós e, transportadas pelo sangue em forma de aminoácidos por uma pequena proeminência em baixo do bulbo chamada papila, é nela que estão contidas as cadeias responsáveis pela estrutura química do fio de cabelo com forma parecida de uma corda.
A estrutura básica da queratina é de aminoácidos, compostos que formam micro moléculas que constituem as unidades estruturais da queratina, estas unidades são cadeias fibrosas unidas entre si por ligações transversais chamadas de poliptídios, a estrutura básica contém cinco elementos: carbono, hidrogênio, oxigênio, nitrogênio e enxofre.

Medula
É o coração do fio de cabelo. A substância medular é diferente das outras, a queratina em sua composição é bem mais flexível que no córtex ou na cutícula.
É a camada central do fio de cabelo em cabelos extremamente escuros e grossos, a medula contém: melanina livre e flutuação variante.
Junto com a proteína mole encontra-se fibrilas e espaço de ar, os espaços de ar parecem ocupar uma grande parte de medula sem nenhum efeito a não ser por esses fatos pouco se sabe sobre a medula.
CICLO CAPILAR
O cabelo obedece a um ciclo biológico de vida nasce cresce executa sua função e morre.

O cabelo passa por três fases:Fase Anágena: é a fase de crescimento do fio de cabelo , neste estagio dentro do folículo as células crescem e se dividem permitindo o crescimento do fio de cabelo, essa fase dura de dois a quatro anos no couro cabeludo.
Fase Catágena: é a fase de transição e a divisão das células. O folículo sofre uma evolução e sua base parte em direção a superfície, esta fase dura de três a quatro semanas.
Fase Telógena: dois a três meses após a catágena, a papila se reativa e o novo fio surge empurrando o fio morto, o cabelo fica preso ao folículo pela base queraterizada, nessa fase o cabelo cai naturalmente a duração desta fase é de três a quatros meses.
Obs: cada folículo pode produzir em torno de 25 ciclos. Um cabelo normal compreende cerca de 85% na fase anágena e 15% entre a catágena e a telógena. É importante observar que essas fases ocorrem simultaneamente nas pessoas.

p.H. Noções Elementares
Escrito com p. minúsculo e H maiúsculo é o símbolo de potencial hidrogenante ou potência heterogênica podendo ser pela própria expressão concluir que o hidrogênio (átomo) possui potência (força).

Realmente o hidrogênio possui força oxidulante ou seja a presença de hidrogênio determina a acidez de um produto, assim, se um produto contém maior quantidade de hidrogênio ele é considerado alcalino (básico).
Resumindo é o hidrogênio que determina a acidez ou alcalinidade de um produto.
Para se determinar a acidez ou alcalinidade de um produto, isto é, a presença ou não de hidrogênio utilizamos o papel reagente universal (papel tornassol) que quando colocado em contato com o produto verificado fica com a sua coloração alterada conforme a presença ou não de hidrogênio comparando se a coloração resultante no papel com a tabela de cores (com indicação do respectivo pH que acompanha os mesmo) podemos não só determinar o pH bem como o grau de acidez ou alcalinidade do produto em questão.
O grau de acidez ou alcalinidade de um produto e verificando o auxilio de uma escala denominada, escala de grau pH constituída de um ponto neutro (7) que corresponde ao meio da escala e é de onde iniciamos toda a contagem, pois conforme se diz o ponto neutro podemos notar que a escala fica dividida em duas partes.
Com efeito de um lado a escala que vai de 7 a 0 que corresponde a escala de ácidos e de outro lado a escala vai de 7 ao 14 que corresponde a escala alcalina, assim se a meia escala que é 7 e considerada o ponto neutro, isto é nem acido nem alcalino podemos concluir que , na escala acida do 7 a 0 a contagem do grau de acidez deve-se iniciar sempre do ponto neutro em contagem regressiva , 7,6,5,4,3,2,1,0 assim quanto menor o numero (pH) maio o grau de acidez ou seja mais acido é o produto. Exemplo pH3 e mais acido que pH6.
Na escala alcalina do 7 ao 14 a contagem de grau de alcalinidade deve se iniciar igualmente do ponto neutro porem em contagem progressiva 7,8,9,10,11,12,13,14 assim quanto maior o numero maior o grau de alcalinidade isso é mais alcalino é o produto. Exemplo pH 11 é mais alcalino que pH9.
O cabelo não tem pH uma vez que é sólido mais a camada protetora do cabelo tem um pH que varia de 4,5 a 5,5 na escala, portanto tudo aquilo que for aplicado no cabelo fora esses limites está alterando o pH fisiológico, a camada protetora do cabelo deve retornar ao seu natural após qualquer tratamento com a química, daí a necessidade de finalizar os processos químicos com o uso de neutralizantes.
Constituida de um ponto neutro (7) que corresponde ao meio de escala e de onde iniciamos toda a contagem pois é conforme se diz o ponto neutro, podemos notar que a escala fica dividida em duas partes como é feito de um lado a escala que vai de 7 ao 0 que corresponde a escala ácida e de outro lado a escala que é de 7 ao 14 que corresponde a escala alcalina assim se o meio da escala que é o 7 e considerado ponto neutro, isso é , nem ácido e nem alcalino, podemos concluir que na escala do 7 ao 0 a contagem do grau de acidez deve-se iniciar sempre do ponto neutro em contagem regressiva 7,6,5,4,3,2,1,0.
Agora que você já sabe um pouco sobre a estrutura do cabelo, pense duas vezes ou mais antes de jogar qualquer química nele, ele é uma estrutura que pode ser agredida facilmente e com uma pausa muito demorada para recuperar-se independente do tratamento, pois em todo caso é necessário tratar praticamente diariamente para que o cabelo com toda sua formação esteja saudável em todas as suas partes escondidas ou expostas.
Saúde as madeixas!!
Beijos Rosas
Texto: Lacan Cosméticos.
Fotos: Internet

Um comentário:

Os comentários serão lidos pela autora e respondidos posteriormente neste Blog. Os comentários que usarem a falta de ética, desrespeito e utilização de vocábulário lascivo será excluído pela autora. Obrigada! Atenciosamente, Angela Borges

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

NUTRIÇÃO PARA CABELOS

NUTRIÇÃO PARA CABELOS
Extreme-Up Nutrição Capilar